Curso Comunicação e Feedback em Aracaju

Em parceria com a CINRH – Bernardo Leite realiza em Aracaju no dia 09.06 workshop “Feedback e Comunicação – Ferramentas Essenciais da Liderança”.

 

Programação
OBJETIVO:

Possibilitar o desenvolvimento profissional e de gestão dos participantes, envolvendo:

 

  • Destaque de comportamentos organizacionais para reflexão e desenvolvimento da gestão de pessoas na supervisão.
  • Informações de práticas de comunicação e de ferramentas de gestão, e para o melhor aproveitamento da relação com Equipes, Funcionários e Organização.
  • Desenvolver competências de comunicação, possibilitando o adequado acompanhamento e reforçando o desenvolvimento de resultados e subordinados.

 

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

A Competitividade e as Organizações

  • A relação entre eficiência e eficácia.
  • O foco como alavanca de resultados.
  • Reflexão sobre resultados (relação de interdependência).
  • O Jogo do Castelo – Dinâmica de Grupos.

 O Perfil da Nova Liderança e o Desafio das Novas Chefias

  • As novas exigências do perfil da liderança.
  • “Liderar é, antes de tudo, liderar a si próprio”.
  • A definição da Missão Pessoal.
  • O resultado não está em nossas mãos.
  • O foco como alavanca de resultados.

Comunicação

  • A diferença entre informar e comunicar.
  • Porque “no mínimo 100% das empresas têm problemas de Comunicação”.
  • Os desvios e bloqueios físicos e psicológicos da comunicação.
  • A difícil “arte” do ouvir (ferramenta essencial da liderança).
  • Projeção do vídeo de treinamento “Ouvindo Atentamente”.
  • A influência da Comunicação nas relações interpessoais.
  • Simulações e exercícios.

A prática da Comunicação no Feed Back

  • Conceituação de Feed Back / objetivos.
  • As dificuldades da aplicação / Mitos e realidades.
  • Siga o P.L.A.N.O.
  • Resultados com base nas expectativas de desenvolvimento “FEED FORWARD”.
  • Feed Back é mais do que…!

 Plano de Ação (só se aprende fazendo)

  • Elaboração de Plano de Ação Individual de Desenvolvimento

 

METODOLOGIA

 Eminentemente dinâmica e vivencial, com jogos, simulações e projeção de vídeos de treinamento.

Mais informações, clique aqui

 

 

Similar Articles

De perto ninguém é norm... Texto referente ao 40o. Capítulo do novo Livro do Prof. Bernardo Leite: Será que minha Empresa é assim? Está na editora para lançamento em breve.
Criando Cultura de Feedba... A Cultura de Feedback pode ser considerada uma revolução nas relações internas e na dinãmica de desenvolvimento profissional nas Organizações
Relacionamento > Diferenc... Relacionamento > Diferencial para o amanhã (Estamos iniciando a Era do Reconhecimento) Presumo não haver dúvida sobre o fato de que o relacionamento sempre foi um fator
O novo enfoque da Avalia... O novo enfoque da Avaliação de Desempenho As grandes mudanças no ambiente empresarial e a necessidade de maior aproximação com os objetivos organizacionais alteram substancialmente, os procedimentos
Você está confortável?... Tudo bem, impossível negar que estar confortável é objetivo de todos, mas que é um grande risco não tenham dúvida! Um dos exemplos que utilizo para demonstrar
Gestão de Pessoas para p... 1. A abordagem de gestão para profissionais de formação técnica tem sido uma prática freqüente da nossa atuação. 2. O caráter estratégico do desenvolvimento em gestão é
Não se avalia impunement... Não tenham dúvidas, toda avaliação exige um comprometimento. E esse comprometimento pode se traduzir por uma consideração simples: cumplicidade. Avaliar coloca o avaliador no cenário da ação.
Consultoria Brasil 2011-2... Esta palestra e debate abordará o atual cenário e perspectivas da consultoria no Brasil. Confira e participe! 06/12/2011 – Consultoria Brasil 2011 -2012 – Um retrato sem retoques – Pesquisa
Palesta – GRINAPE 29/07 A convite do GRINAPE – Grupo Informal de Administradores de Pessoal – Bernardo Leite realizará em 29.07 a palestra “Relacionamento Interpessoal e Feedback – Uma parceria de Sucesso” OBJETIVO:  ·  Porque Relacionamento
Uma análise sobre o posi... (ou, porque não basta bom sistema de gestão para a empresa ter sucesso!). Nesta última década do milênio foi notável, na postura dos executivos em geral, a